08 maio, 2011

fotografia de Maria Margarida Oliveira Ramos

Os pensamentos são uma escrita silenciosa...são como ramos que se ligam por intervalos de silêncio....
Gisela Ramos Rosa, 07-05-2011

12 comentários:

betina moraes disse...

se eu junto o verso de tua frase ao belo som que vem da música que está tocando no teu blog, corro o risco de perder o ar...

gisela, que conjunto surpreendente você tem aqui na matriz.

um beijo!

Lara Amaral disse...

Mais um lindo aforismo. Gosto muito de vir aqui!

Beijo.

Mar Arável disse...

Palavras desenhadas

frutos pendentes

ana disse...

O seu blogue é muito bonito!
Venho da casa do Mar Arável e gostei da sua poesia.
Bom dia!

Graça Pires disse...

Palavras que o silêncio revela...
Um grande beijo.

Nilson Barcelli disse...

Ou uma escrita dispersa... que se desligam nos intervalos de ruído...
Beijo.

Lídia Borges disse...

Geometria, racionalidade e poesia!...

Um beijo

tb disse...

belo!
beijinho.

Canto Turdus Merula disse...

gosto desta escrita na seiva do silêncio
a germinar nas nervuras das palavras
primordiais fonemas das uniões.

Um abraço Gisela.

Também gostei do som...

João Menéres disse...

E logo eu que me tenho perdido nesses intervalos !...

Perfeita a ligação entre a bela imagem da MARIA MARGARIDA e as tuas poéticas palavras que trazem muitos motivos para reflexão.

Um beijo, GISELA.

Dete disse...

Muito lindo o seu espaço. Conforta a alma com os lindos textos e música. Bernadete

Dete disse...

Muito lindo o seu espaço. Conforta a alma com os lindos textos e música. Bernadete